Conheça a rede de Polos de Emprego clicando AQUI

terça-feira, 8 de maio de 2018

PROGRAMA DE EMPREGABILIDADE


Na sequência do trabalho realizado no Estabelecimento Prisional do Funchal fomos solicitadas para ingressarmos com o módulo de técnicas de procura ativa de emprego a um grupo de reclusos que frequentam o 2º ciclo de ensino, em regime fechado.

Nesta sessão foi feita uma rápida apresentação do Centro Porta Amiga do Funchal e serviços inerentes, de forma a contextualizar o serviço de Polo de Emprego.

Iniciamos a sessão informando sobre o mercado de trabalho atual. As perspetivas sobre o mesmo e apresentação de vastas alternativas que poderão ter à disposição, quer seja de formação ou emprego, para fomentar uma reinserção, nomeadamente a nível laboral.

Foram apresentados os meios dos quais devem-se dotar para fazer a procura de emprego, desde o CV, a carta de apresentação, a carta de motivação e o dossier.

Apresentou-se os locais específicos onde pode ser feita a procura de ofertas de trabalho desde os sites de emprego, na impressa regional e nacional, e nas empresas de recrutamento. Como alternativa foram apresentados os locais onde poderão investir na formação e/ou continuar a estudar, como forma de aumentar os conhecimentos ao longo da vida.

Para finalizar a sessão recorremos à técnica do origami como meio de relaxamento e descompressão. Feita a caixa em origami escreveram em papel um objetivo profissional a atingir, tendo este sido guardado dentro da caixa que deverá ser aberta após cumprimento da pena. Aproveitamos esta atividade e fizemos a analogia entre o papel e a vida, na vida tal como no papel tudo o que possamos fazer deixará uma marca, mas são essas marcas que contam a nossa história, existindo sempre a possibilidade de desdobrar e recomeçar.

Presenciaram da formação 7 reclusos.

Conceição Ladeira

0 comentários:

Enviar um comentário